Com encerramento no dia 5 de Setembro, as competições Paralímpicas tiveram sua abertura na manhã do dia 24 de Agosto (fuso horário do Brasil). Sendo uma das delegações com maior potência na competição e favorita no top10, o Brasil continua avançando também nas Paralimpíadas de Tóquio. Os atletas paralímpicos brasileiros conseguiram para o país, nas últimas três edições, ficar entre os 10 primeiros colocados no quadro de medalhas, comprovando o favoritismo citado. 

Já na primeira manhã de competição, começamos com o pé direito. Com direito a quatro medalhas, nossos atletas na natação já estão conseguindo lugar no pódio. Na última edição das Paralimpíadas levamos com a modalidade quatro medalhas de ouro, sete de prata e oito de bronze, sendo então a meta a ser batida esse ano. 

O primeiro a conseguir medalha foi Gabriel Araújo, conhecido como “Gabrielzinho”, com o segundo lugar na modalidade 100m costas. Com apenas 19 anos e sede gigantesca por vitória, após a cerimônia de premiação deixou claro que sua meta é levar para casa também a de ouro. 

A manhã também foi especial para Gabriel Bandeira, de 21 anos – outro estreante nas Paralimpíadas – que conquistou a primeira medalha de ouro do Brasil na competição. Vencedor da categoria 100m Borboleta S14 (deficiência intelectual), Gabriel relatou que sempre foi classificado como “diferente” pelos demais.

“Você não é diferente, Gabriel. Você é diferenciado”

– Narrador Sportv

Depois de ouvirmos o Hino Nacional no pódio, pudemos assistir Phelipe Rodrigues e Daniel Dias conquistando duas medalhas de bronze seguidas para a seleção. Com 31 e 33 anos respectivamente, Phelipe e Daniel já são atletas mais experientes, sendo considerada até uma possível aposentadoria após essa competição. Daniel Dias é um recordista na modalidade, tendo conquistado ontem (25/08) sua 25ª medalha Paralímpica, nos 200m livres. 

O mesmo Daniel, já na manhã de hoje, ganhou mais duas medalhas, de bronze (sua 27ª medalha paralímpica) na modalidade 100m livre S5, e com seus companheiros de natação Joana Peixinho, Patrícia Santos e Talisson Glock conquistando também a medalha de bronze no revezamento misto 4x50m. 

Saindo um pouco da natação, na modalidade de Esgrima de cadeira de rodas, o atleta Jovane Guissone conquistou a 7ª medalha brasileira – essa de prata. Completando as atividades da última madrugada, ainda tivemos a conquista de outra medalha de prata, dessa vez no hipismo de adestramento, pelo atleta brasileiro Rodolpho Riskalla. Cumpre lembrar que existe a possibilidade de essa modalidade ser excluída dos próximos jogos olímpicos e paralímpicos após a repercussão do caso da treinadora alemã Kim Raisner, que foi flagrada agredindo seu animal nos jogos olímpicos. 

Até agora então, com o fim do segundo dia de paralímpiadas, temos a China figurando em primeiro lugar, com 23 medalhas, e Brasil na décima posição, com 8 medalhas, sendo 1 de ouro, 3 de prata e 4 de bronze.

Confira agora a agenda das próximas disputas:


Natação – classificatórias:

21:07 – Felipe Vila Real : 200m livre, na classe s14(M)
21:16 – Gabriel Bandeira : 200m livre, na classe s14(M)
21:29 – Matheus Rheine e Wendell Belarmino : 50m livre, na classe s11(M)
21:48 – Daniel Dias : 50m borboleta, na classe s5(M)
21:59 – Esthefany Rodrigues e Joana Neves : 50m borboleta, na classe s5(F)

Natação – finais:

05:06 – Maria Carolina Santiago : 100m costas, na classe s12(F) transmissão Sportv2
05:21 – Cecília Araújo : 100m costasn na classe s8(F) transmissão Sportv2


Atletismo – classificatórias:

22:14 – Fabrício Ferreira : 100m, na classe T12 (M) – transmissão Sportv2
22:21 – Kesley Teodoro : 100m, na classe T12(M)transmissão Sportv2
22:28 – Joeferson Marinho : 100m, na classe T12(M) transmissão Sportv2
23:01 – Jhulia dos Santos : 400m, na classe T11(F) transmissão Sportv2
23:17 – Silvana Costa : 400m, na classe T11(F) transmissão Sportv2 / TV Brasil
23:25 – Thalita Simplício : 400m, na classe T11(F) transmissão Sportv2 / TV Brasil
23:56 – Matheus Evangelista e Christian Gabriel : 100m, na classe T37(M) transmissão Sportv2 e TV Brasil
00:03 – Ricardo Mendonça : 100m, na classe T37(M) transmissão Sportv2 / TV Brasil
00:32 – Vanessa Cristina : 5000m, na classe T54(F) transmissão Sportv2 / TV Brasil
01:11 – Lucas Lima e Washington Júnior : 100m, na classe T47(M) transmissão TV Brasil
01:18 – Petrúcio Ferreira : 100m, na classe T47(M) transmissão TV Brasil
09:25 – Fernanda Yara : 400m. na classe T47(F) transmissão TV Brasil

Atletismo – finais:
21:30 – Lorena Spoladore e Silvana Costa : Salto em distância, na classe T11(F) transmissão Sportv2 e TV Brasil
21:35 – Júlio César Agripino e Yeltsin Jacques : 5000m, na classe T11(M) transmissão Sportv2 e TV Brasil
07:00 – Wallace Santos : Salto em Distância, na classe F55(M) transmissão TV Brasil
07:53 – João Victor e Emanoel Victor : Arremesso de Peso, na classe F37(M) transmissão TV Brasil


Tênis de Mesa – classificatórias:

21:00 – Danielle Rauen, na classe 9
21:40 – Paulo Salmin, na classe 7
22:10 – Lethicia Lacerda, na classe 8
23:00 – Joyce Oliveira, na classe 4
23:00 – Israel Stroh, na classe 7
23:40 – David Freitas, na classe 3
00:20 – Cátia Oliveira, na classe 2
01:40 – Carlos Carbinatti, na classe 10
4:00 – Millena Santos, na classe 7
4:00 – Bruna Alexandre, na classe 10

Ciclismo – classificatórias:

22:36 – André Grizante : Perseguição 4.000m, na classe C4(M) transmissão TV Brasil
23:14 – Lauro Chaman : Perseguição 4.000m, na classe C5(M) transmissão TV Brasil

Ciclismo – finais:
01:20 – Carlos Soares : Contrarrelógio 1000m, na classe C1-3(M) transmissão TV Brasil
02:29 – Ana Raquel Lins : Contrarrelógio 500m, na classe C4-5(F) transmissão TV Brasil
03:15 – Disputa de 3 : Perseguição 4000m, na classe C5(M) transmissão TV Brasil


Judô – classificatórias:

22:30 às 01:30 – Karla Cardoso : até 52kg transmissão TV Brasil
22:30 às 01:30 – Thiego Marques : até 60kg transmissão TV Brasil


Remo – classificatórias:

21:30 – Claúdia Santos : PR1 Skiff individual feminino, na classe PR1W1X
22:10 – Renê Pereira : PR1 individual masculino, na classe PR1W1X
22:50 – Josiane Lima : PR2 double misto, na classe PR2MIX2X
22:50 – Michel Pessanha : PR2 double misto, na classe PR2MIX2X
23:30 – Ana Paula Souza : PR3 4 com timoneiro misto, na classe PR3MIX4*
23:30 – Diana Barcelos : PR3 4 com timoneiro misto, na classe PR3MIX4*
23:30 – Jairo Klug : PR3 4 com timoneiro misto, na classe PR3MIX4*
23:30 – Jucelino da Silva : PR3 4 com timoneiro misto, na classe PR3MIX4*
23:30 – Valdeni Júnior : PR3 4 com timoneiro misto, na classe PR3MIX4*


Tênis em Cadeira de Roda – classificatórias:

23:00 – Daniel Rodrigues : Simples (M)
23:00 – Maurício Pimme : Simples (M)
23:00 – Gustavo Carneiro : Simples (M)
23:00 – Rafael Medeiros : Simples (M)
23:00 – Ana Caldeira e Meirycoll Duval : Dupla(F)

GoalBoall (Feminino) – classificatórias:

Brasil X Japão – 22:30

GoalBall (Masculino) – classificatórias:

Brasil X Argélia – 08:30 – transmissão Sportv2


Tiro com Arco – classificatórias:

21:00 – Helcio Perilo : Individual, na classe w1
21:00 – Rejane Candida : Individual, na classe w1
21:00 – Jane Karla : Composto Individual, na classe Open
21:00 – Fabíla Dergovics : Recurvo Individual, na classe Open
02:00 – Heriberto Roca : Recurvo Individual, na classe Open


Vôlei Sentado (feminino) – classificatórias:
Brasil X Canadá – 06:30

Escrito em conjunto por Ariel Rocco e Maria Clara Aguiar

Sabiá

revista o sabiá é uma revista independente, digital e sem fins lucrativos. Surgimos com o propósito de democratizar o acesso à informação de qualidade para a juventude brasileira, seja ela a informação acadêmica, jornalística, científica ou cultural.

Acreditamos que tanto o jornalismo como a comunicação possuem o potencial de mudar o mundo, sendo necessário reaver a sua função social. Ao longo da história moderna, o senso comum costuma lembrar do lado negativo que a imprensa ao contribuir ou participar de narrativas políticas polêmicas. Nós, pelo contrário, gostamos de pensar que a imprensa teve um papel essencial em eventos como o Maio de 1968, a Primavera Árabe e muitos outros.