Eu já vivo enjoado de viver aqui na Terra. Mamãe, eu vou pra Lua, falei com minha mulher. Ela, então, me respondeu: nós vamos, se Deus quiser. Vamos fazer um ranchinho, todo feito de sapé. E amanhã, às sete horas, nós vamos tomar café, assistindo vídeos de projetos de arquitetura, reformas, decoração, design de interiores, paisagismo e de entusiastas de negócios imobiliários, que são dos conteúdos que eu mais consumo no YouTube desde que o galo cantou, cocorocô.

Eu não sei como se vive nesse mundo enganador. Se fala muito, é falador. Se fala pouco, é manhoso. Se come muito, é guloso. Se come pouco, é mesquinho. Se bater, é desordeiro. Se apanha, é mofino […] Pensava em ser ruim, e eu sempre lhe digo: a inveja matou Caim.

Sabiá

revista o sabiá é uma revista independente, digital e sem fins lucrativos. Surgimos com o propósito de democratizar o acesso à informação de qualidade para a juventude brasileira, seja ela a informação acadêmica, jornalística, científica ou cultural.

Acreditamos que tanto o jornalismo como a comunicação possuem o potencial de mudar o mundo, sendo necessário reaver a sua função social. Ao longo da história moderna, o senso comum costuma lembrar do lado negativo que a imprensa ao contribuir ou participar de narrativas políticas polêmicas. Nós, pelo contrário, gostamos de pensar que a imprensa teve um papel essencial em eventos como o Maio de 1968, a Primavera Árabe e muitos outros.