DEZEMBRO_2020

Metodologia Freiriana – Protagonismo e Humanismo.

Ninguém educa ninguém, ninguém educa a si mesmo, os homens se educam entre sim, mediatizados pelo mundo Paulo Freire Para Freire, cada indivíduo é agente da própria libertação à medida que desenvolve conhecimento. Sendo assim, a educação é um ato de criação pois é através dela que nos tornamos autônomos, livres e capazes de tomar …

Sobre segundas chances

Expandir suas fronteiras, seja na literatura ou seja em quaisquer outras áreas, requer certa coragem em enfrentar o diferente, o indigesto, o novo, mas tal atitude pode dar-lhe novos rumos e diminuir o que talvez possa ser posto como preconceitos ou opiniões de fundamentos frágeis, que permaneceriam intocadas.

O silêncio brasileiro diante o cerceamento da liberdade jornalística.

Para compreender a importância do julgamento de Julian Assange e seu veredito semana que vem, precisamos falar de alguns pontos essenciais como a moralidade, o ultra-nacionalismo e o direito internacional. Em 2016, o WikiLeaks foi responsável pela publicação de milhares de e-mails da ex-candidata à presidência pelo partido Democrata, Hillary Clinton. Com a eventual perda …

O projeto de apagamento de Julian Assange

Enquanto se vive o século XXI baseado nos estados democráticos, há uma roupagem autoritária por parte dos Estados. A liberdade de expressão é, muitas vezes, cerceada.

Por mais inconcebível, a transparência e a democracia não seguem o mesmo ritmo e sites como WikiLeaks representam uma ameaça a esse sistema.

Kabul War Diary: o vazamento que expôs crimes durante a guerra do Afeganistão.

vinte e cinco de julho/2010 | mais de noventa mil relatórios, arquivos e documentos sobre a Guerra do Afeganistão foram publicados pelo WikiLeaks, apelidados de Kabul War Diary. O conflito ocorre há anos, entretanto, o país foi oficialmente invadido por tropas norte-americanas onze anos atrás e continuam presentes até os dias de hoje. Atualmente existem, …

As vidas das vinte e duas crianças presas em Guantánamo – seus relatos, suas dores e seus destinos.

Em um comitê dedicado à proteção dos direitos infantis das Nações Unidas que ocorreu em 2008, o Pentágono afirmou que somente oito crianças e jovens estavam sendo detidos em Guantánamo, por serem considerados de ameaça máxima à segurança do país. Três anos depois, essa afirmação mostrou-se uma mentira. Os arquivos de Guantánamo – também conhecidos …

Chelsea Manning e sua importância no WikiLeaks

Chelsea Elizabeth Manning nasceu em dezessete de dezembro de 1987, em Oklahoma. Sua vida foi extremamente complicada desde criança porque ambos seus pais eram alcoólatras. Em entrevistas, ela afirmou que seu pai sempre descontava suas dores após o trabalho e a agredia em alguns momentos. Seus pais se divorciaram quando ela era adolescente, com treze anos de …

Guantánamo Files – expondo a vida dentro da prisão norte-americana.

vinte e quatro de abril/2011 | o WikiLeaks começa a publicar junto a diversas organizações de mídia mais de setecentos documentos secretos da prisão de Guantánamo. O WikiLeaks afirma em uma de suas páginas que os Estados Unidos “criaram [na prisão] um sistema policial e penal sem garantias no qual só importavam duas questões: quanta …

O maior vazamento de documentos militares secretos da história – Iraq War Logs

Este artigo foi produzido com o auxílio de colaboradores anônimos. 22 de outubro de 2010 — Nessa data, começava o maior vazamento de documentos militares secretos da história. Mais de trezentos mil arquivos do Exército norte-americano durante a Guerra do Iraque foram expostos ao público.  Os arquivos mostraram como centenas de civis foram assassinados, e …

Revisitando a História, revisitando o aprendizado

Em 2017, eu fui apresentada ao mundo dos musicais da Broadway e, naturalmente, apaixonei-me por “Hamilton”, obra essa que recebeu 11 Tony’s (o Oscar do Teatro estadunidense) e, ainda por cima, o Prêmio Pulitzer de Teatro. Muitos talvez conheçam Lin-Manuel Miranda, o criador dessa obra, por seus trabalhos em “Moana” ou em “O Retorno de …

O Diabo na Página em Branco

Eu sempre fui uma pessoa muito assustada, desde criancinha. No ensino fundamental, principalmente, muitos dos meus coleguinhas tinham esta fascinação absurda por experiências aterrorizantes, como brincar de tábua Ouija, ver filmes de slasher e possessão demoníaca, enquanto eu, por mais que partilhasse desse mesmo interesse e tivesse muita admiração pelos meus amigos, preferia sempre evitar …